Pesquisa

Carregando...

quinta-feira, 6 de outubro de 2016

6 dicas para não “perder a cabeça” no trabalho

Prazos, cobrança, carga horária elevada e outras coisas podem fazer com que você sinta vontade de arremessar sua mesa e mandar seus colegas e seu chefe às favas – o que, sabemos, não é uma boa ideia.

Para ajudar as pessoas a lidar com a raiva antes que façam coisas que resultem em uma demissão ou em um processo (ou ambos), o professor de psiquiatria Joseph Shrand, da Escola de Medicina de Harvard (EUA), reuniu algumas dicas simples:

1 - Reconheça a ira: Existem vários graus de raiva, desde a leve indignação por não ter café na cozinha até a fúria por ter que refazer um trabalho pela décima quarta vez a pedido de um cliente. Se você puder reconhecer o grau da sua raiva (ou da raiva de outras pessoas), terá mais facilidade para lidar com ela;

2 - Fique atento a inveja: Você tem raiva de algum colega porque ele tem um salário melhor? Um cargo mais respeitável? Para diminuir a inveja e, de quebra, a raiva, faça uma lista de coisas que fariam com que outra pessoa quisesse estar no seu lugar;

3 - Perceba suspeitas: Não é impossível que algum colega não apenas queira estar no seu lugar, como também planeje formas de tomá-lo de você – e, se você estiver atento, vai suspeitar da trama. Para evitar esse tipo de problema, procure maneiras de reforçar o trabalho em equipe, de modo que a importância de cada um fique clara;

4 - Transmita paz: Se você quer que as pessoas o tratem bem, um bom passo inicial é tratá-las bem. Seja gentil com os outros, dê atenção a eles – não apenas pelos bons frutos que isso pode trazer pra você (isso seria falso), mas pelo simples fato de que todo mundo (a princípio) deve ser respeitado;

5 - Tenha empatia: Ao lidar com as pessoas, procure entendê-las e se colocar no lugar delas;

6 - Comunique-se com clareza: Se quiser saber por que alguém está nervoso, pergunte. Parece uma dica óbvia, mas muita gente, com receio de levar bronca, tenta adivinhar o que está irritando a outra pessoa, e nem sempre descobre o problema (que, dependendo do caso, poderia ser facilmente resolvido). Se você souber ajudar os outros a lidar com a raiva deles, há grandes chances de que vai se estressar menos.[LiveScience]