Pesquisa

Carregando...

quarta-feira, 20 de julho de 2016

Os 10 hilários erros cometidos em entrevistas de emprego

Atender o celular ou parecer desinteressado são com certeza ações muito erradas quando se pretende causar uma boa impressão em uma entrevista de emprego. Mas uma nova pesquisa mostra que isso é apenas a ponta do iceberg, quando o assunto é deixar sua marca em uma seleção.

Além dos comportamentos altamente errados – e comuns – que incluem mandar mensagens de texto durante a entrevista, se vestir de maneira inapropriada, mascar chicletes e falar mal de antigos chefes, o novo estudo revela algumas das experiências mais estranhas que já aconteceram nesse tipo de situação. 

Entre elas:

O candidato trouxe um livro de “como comportar-se em uma entrevista” junto com ele;

O candidato perguntou, “qual empresa é essa mesmo?”;

A candidata pediu para o entrevistador esperar durante uma entrevista por telefone para atender outra ligação. Quando ela voltou para a linha, disse que tinha conseguido um encontro romântico para sexta-feira;

O candidato apareceu para a entrevista usando uma roupa de escoteiro, e não explicou por que;

O candidato falou que pontualidade era um dos seus pontos fortes, mas chegou 10 minutos atrasado;

No caminho para a entrevista, o candidato ultrapassou e mostrou o dedo do meio para uma pessoa em outro carro, que por acaso era a que ia entrevistá-lo;

O candidato tirou os sapatos durante a entrevista;

O candidato pediu um gole de café do entrevistador;

Quando um candidato não conseguiu um trabalho em uma empresa, ele voltou e pixou o muro;

O candidato foi preso por autoridades federais durante a entrevista porque uma checagem de antecedentes mostrou que ele era um fugitivo;

A candidata comentou que ela não tinha certeza se o trabalho valia “ligar o carro”.

“Parece impossível que candidatos atendam um celular durante uma entrevista, ou usem bermuda, mas escutamos essas histórias fantásticas toda hora”, afirma Rosemary Haefner, vice-presidente de recursos humanos da CareerBuilder, responsável pelo estudo.

Para sorte dos entrevistados, ela coloca que ser diferente da massa – de uma maneira certa – é tipicamente um ponto positivo para a maior parte das empresas.

Haefner afirma que uma apresentação de sucesso decorre de uma junção da personalidade do candidato, sua experiência profissional e as necessidades da empresa. Ela recomenda as seguintes dicas:

Faça a sua pesquisa: antes da entrevista, faça uma pesquisa online das novidades da empresa, a seção “sobre nós”, com informações da companhia, e a lista de produtos e serviços que ela oferece.

Mantenha a boa apresentação: durante a entrevista, mantenha-se positivo e evite falar mal de antigos empregadores.

Prepare exemplos e ideias: traga um resumo da sua vida, das situações em que você conseguiu se sair bem e vencer desafios. Esteja pronto para dividir ideias que você pode trazer para o posto almejado.

Essa pesquisa se baseou em conversas com mais de 3 mil profissionais de recursos humanos. [LiveScience]